9.3.14

Aparentemente, por acaso


Essa busca incansável de querer e não poder ter. De querer conhecer todos os lugares, de amar viajar e não sair da casa, da cama, dos meus cobertores. E essa saudade indubitável do que eu não posso ter, do que já desenhei várias vezes, construí e apaguei, risquei e até mesmo colori, incansáveis vezes. Remontando um futuro incerto.

Existe a cada milésimo de um segundo uma parte de mim que se sente insegura, que quer correr. Uma parte que ainda não está completa, que busca algo que não consegue alcançar. A vida é isso não é? Um objetivo, uma vitória, uma conquista. Mas também existe uma parte totalmente contrária, que se contenta com tudo, que está sempre feliz, que não liga para qualquer coisa. Estranha? Percebo que essa confusão dentro de mim mesma, me forma, me faz feliz, essa imperfeição, esse encaixe imperfeito, deixa tudo mais... meu.

Texto escrito para Lari   Fotografia por Larissa Biscaia ©

Um comentário

  1. Oi tudo bom? ando sumida um pouco né ? kkk desculpe é que ultimamente está uma loucura minha vida.

    Gostei do texto bem interessante ^^

    Jéssica Barbosa
    http://livrosseriesemelodias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

© setecoisas.com.