Resenha de filme: Ela dança, eu danço 4


Ela dança, eu danço. É uma das melhores séries em filmes que relacionam dança a um outro evento, uma temática diferente. Isso é uma das coisas mais legais da série, pois além de ter muita dança, tem um outro ponto a destacar. No quarto filme, os dançarinos terão que dançar bastante para salvarem o seus lares.
É bem legal ressaltar que os filmes acompanham a realidade, sempre inovando e revolucionando "a parada" e trazendo também grandes lições. Step Up (tradução brasileira: Ela dança, eu danço) é focado a dança de rua, o hip-hop. Em Step Up Revolution, é retratada a trajetória do grupo The Mob (A máfia), onde eles fazem 'shows' em locais inusitados, assim como um flash mob. Mas a dança deixou de ser só por diversão. A dança estará como artes, volta para críticas. A dança será a voz. Mostrar a arte popular e cultura que com o passar do tempo está sendo ignorada pela sociedade. 

Revolution será o quarto e último filme, da franquia Step Up, isso resume, que não teremos a chance de ver as danças mais criativas. Porém no último filme, eles preparam "muita ação", muita dança, muito drama e claro muito movimento. 



Ainda com o clichê romance, dos outros filmes. Os novos protagonistas, Sean verá-se apaixonado pela Emily. De realidades bem distintas lutam pelo mesmo sonho: dança. Após seu lar ter sido vendido Sean fará de tudo para recuperá-lo. E Emily precisa entrar precisa passar em um teste. Ambos ajudarão um ao outros, mas além dessa ajuda. Algo mais que uma cooperação irá ligar os dois. 



Não desista dos seus sonhos!
Tanto para Sean quanto para Emily o sonho deles é dançar. Sean vive para o Mob, mas como dança não dá dinheiro, ele decide parar de dançar para tirar seu sustento, quando vê que a dança não pode mais oferecer algo em troca, mas ele está enganado. Dança é arte, é cultura, é vida. Emily gosta ama dançar, mas seu pai nunca apoiou seus sonhos. A única chance da garota é passar em um teste, caso seja aprovada, seu pai dará liberdade. Mas se ela falhar, ela terá que seguir a carreira do pai como empresária-assistente. 

A união faz a força! 
Depois de tanta luta, verá que somente quanto todos estiverem juntos e lutando pela salvação de seus lares, serão capazes de se juntar e fazer um movimento, que através da dança, trará mensagem aos mais diversos públicos.

Quem dança os males espanta! 
Acho que é impossível assistir filmes de danças, sem querer depois não dançar. Recomendo muito o filme, para quem gosta do tema. As coreografias, os efeitos... tudo bem trabalhado, esquematizado para um último filme, para uma última lembrança.



  1. Bem curto muito filmes com danças mas da serie esse é o pior rsrs, serio eu não curto muito os primeiros eram melhores, aquela dança com os carros eu achei bem forçado hehe

    bjos

    ReplyDelete
  2. Eu adooooro esse filme!
    Assisti na casa de um amigo e indico com certeza *-* eles dançam muitoo gente..
    beijoss
    http://sublimar-me.blogspot.com

    ReplyDelete
  3. Amo os filmes de dança *-* O primeiro e o terceiro foram os melhores para mim :)
    Não tive a oportunidade de assistir esse ainda, mas quero muito.

    Adoreii :)

    Tem texto novo lá no blog se der da uma olhadinha e comenta http://sonhos-perdiidos.blogspot.com.br/2013/11/ate-onde-voce-vai-por-sua-felicidade_6.html#comment-form

    Beijinhos :3

    ReplyDelete
  4. Eu assisti a esse faz pouco tempo, e simplesmente adorei.
    Uma pena que seja o último da franquia.

    *bye*

    http://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ReplyDelete
  5. Assisti hoje em um canal de tv e amei. Vou até baixar pq peguei metade

    ReplyDelete