Resenha dupla e especial: Laços de Sangue


Autora: Richelle Mead
Editora: Seguinte
Páginas: 431
Avaliação: ★★★★
Série: Bloodlines, volume 01.

Se Laços de Sangue é apenas um 'release', me sinto mais do que necessitada a ler Academia de Vampiros. - Amanda 

Após uma das maiores e mais famosas séries de vampiros, Crepúsculo, eis que poucas são as escritas vampirescas que sobreviveram hodiernamente.  Poucos os livros que conquistam os diversos leitores com o assunto, isso de deve a inegável história fofinha da série Twilight. Mas alguns autores e autoras tem se destacado ainda no campo dos vampiros, uma delas é  Richelle Mead, autora da série famosinha Academia de Vampiros. Nunca li nada da Academia de Vampiros, porém existe uma legião de leitoras que adora a série. Além de não ter lido a série, nunca li um spin-off. Já confessado esses dois pontos, digo, que estava morrendo de vontade de ler algo sobre vampiros e ler um tal spin-off.


Antes de mais nada esqueça a família Cullen e os vampiros fofinhos de Diários dos Vampiros. A exploração de novas faces e novos grupos para vampiros, baseado em lendas da Romênia e balcânicas, me deixou estasiado: Moroi, Strigoi e dampiros. Os Moroi são uma espécie de vampiros bonzinho que envelhecem e até morrem. Strigoi é totalmente contrário aos Moroi, além de serem imortais os Strigoi são os seres mais perversos e horripilantes que matam só por diversão. Ser dampiro é a prole da mistura de humanos com vampiros. Além dos vampiros existe também um clã de humanos, os alquimistas. Estes sabem tudo sobre os vampiros e "controlam" o equilíbrio entre os humanos e os vampiros, desde apagar os rastros de sangue que eles deixam como tomar todas as providências para ocultar a existência de seres sobrenaturais.

Laços de Sangue é o primeiro livro da mais nova série da ruiva Mead, o livro pertence a Bloodlines. A protagonista dessa nova sessão vampiresca é a humana e alquimista Sydney Sage, seguido dos protagonistas secundários Jill uma vampira, Eddie e Adrian, sendo o último um alicerce para a construção da história. A alquimista acaba sendo enviada para uma missão especial que consiste em garantir a segurança de Jill, a última descendente da família real Moroi. A história em geral se torna bem interessante, uma simples humana cuidando de uma vampira , chega até ser meio cômico, já que a visão de vampiros são superiores que humanos é rateada nos mais diversos lugares. 

A história é calçada em Palm Springs, um lugar muito quente e ensolarado, onde nenhum vampiro tem a coragem de pisar, até mesmo os valentões Strigoi. Devido a proteção climática Sydney e Jill são enviada para um colégio interno local, além da supervisão de Sydney, Eddie também se tornará guardião de Jill, já que está no seu sangue. Syd encontrará vários problemas além de cuidar de Jill, como o fato de tatuagens enigmáticas, problemas pessoais da vampirinha e até mesmo seus próprios conflitos internos. 
Eu tinha plena certeza que "reeducação" era uma forma carinhosa de se referir a "lavagem cerebral".
Contrário da Ni, do Ninhada Literária, Sydney Sage me conquistou logo de cara. Por ser uma menina mais autoritária, certinha, constante e inteligente. A conquista da personagem também se deve a linguagem fácil e simples de Richelle. A descrição do 'clã' alquimista me deixou mais interessado na história - por eu amar de coração alquimia; O surgimento dos grupos vampirescos e o fato da trama ser passada nos dias atuais também contribuíram ainda mais para a popularidade da autora! Se Laços de Sangue é apenas um 'release', me sinto mais do que necessitada a ler Acadêmia de Vampiros.

O melhor de tudo é que não é necessário entender alguma coisa sobre os volumes  da Acadêmia de Vampiros, Bloodlines trás personagens novos e alguns antigos como Adrian, para quem já está familiarizado com os personagens esse é um livro que não supre todas as expectativas quanto a uma suposta continuação de AV, mas para quem não leu, Laços de sangue se torna prazeroso e um delicioso entretenimento. 

 As capas brasileiras vieram presenteadas de com uma arte muito simples e bonita, que chamam atenção de longe. O próximo livro sai esse mês ainda, Novembro, sob o título O Lírio Dourado, e provavelmente O feitiço azul, terceiro volume da série, sairá no primeiro semestre de 2014. A Editora Seguinte está de parabéns não por aspectos físicos, mas também por trazer o mais novo escrito de Richelle Mead para os amantes de vampiros.

...Happy birthday to you Richelle Mead
Hoje dia 12 de novembro a ruiva faz mais um aniversário. Presenteio-a com essa resenha, que não chega a demonstrar o amor que já estou sentindo pela  a autora. Agradeço a desde já pela escrita fabulosa e por trazer personagens vampirescos para os amantes desse mito. 

  1. Confesso que Laços de Sangue me deixou bem instigada...Acho que qualquer coisa que venha pra tirar a ideia ficionada de Crepúsculo, merece uma chance. Pra mim, uma assídua por livros sobrenaturais, principalmente com vampiros e anjos, acho que seria uma leitura super prazerosa. Inclusive, ótima resenha! Parabéns :)

    Com carinho, http://oh-cherry.blogspot.com/

    ReplyDelete
  2. Eu gostei da Sydney logo de início também. Achei a narrativa da autora muito boa de ler, fiquei com bastante vontade de ler Vampire Academy para entender mais algumas coisas que foram mencionadas nesse livro.

    ReplyDelete
  3. Eu sou apaixonada pela série Academia de Vampiros, mesmo só tendo lido os quatro primeiro livros. Depois que li Crepúsculo evitei ler outros livros de vampiro, mas a Richelle fez um ótimo trabalho.
    Quando terminar a série quero partir para Bloodlines!

    Beijão
    Sun Rises Here

    ReplyDelete