23.9.13

Resenha: Só tenho olhos para você


Autor: Bella Andre
Editora: Novo Conceito
Páginasa: 256
Avaliação: ★★★★★ +18
Série: Os Sullivans, volume 04.

Só tenho olhos para você é o quarto volume da série Os Sullivans, os livros podem ser lidos separadamente - por isso ainda não tem resenhas dos primeiros livros da série. Além desse fator que beneficia a leitura e não a torna dependente de outros livros para a compreensão. Depara-se com a escrita infalível e rápida de Bella Andre. 

Até então eu não entendia porque a autora dominava listas de vendar por aí. Eu que pensava que era só porque se trata de assunto hot. Mas não adianta uma autora escrever somente cenas e mais cenas sem um sentido e um plano por trás de todas as sensações eróticas proporcionadas através das páginas. E através de Só tenho Olhos para você encontrei um romance muito bonito e apaixonante. Percebi que sexo é realmente bom, mas é bem melhor quando você faz com a pessoa que você ama e quando você faz com a pessoa que te ama também. Porque quando o sentimento e a vontade é recíproca a sensação será mais gostosa. 

"― Eu só disse essas coisas porque odiava como me sentia quando você olhava para mim. Como ainda me sinto toda vez que estou com você. Que droga, Sophie, toda vez que penso em você, sinto como se finalmente tivesse encontrado algo, alguém que realmente faça diferença. Só que nunca tive a menor ideia do que fazer para ter você, de como ser digno de você."
O livro publicado esse ano (2013), pela Novo Conceito, me surpreendeu bastante por ter apenas 256 páginas, pensei que não teria uma história palpável, mas consegui entrar um pouco para a família Sullivan e saber mais sobre como são. É um livro muito rápido, sem muitas descrições ou muitas enrolações. O quarto livro da série acompanha o traço romântico dos outros livros, sexo ligado sempre ao amor.  Também me chama atenção a sensação que os personagens em poucas páginas passam para nós, é por isso que disse que a escrita de Bella é infalível. 

A cada novo romance a autora apresenta e conta a história de um dos irmãos Sullivans. No quarto volume somos apresentados para Sophie Sullivan, considerada a gêmea boazinha, bibliotecária que viveu um amor platônico por Jake McCan durante toda a sua infância, adolescência e fase adulta. Sophie é certinha e o xodó dos irmãos e tida como "indefesa'' por eles. Cansada de ser mimada e tomada como a santinha, ela decide de uma vez por todas, que não precisa dos cuidados dos irmãos e que alcançará seu maior desejo conquistar Jake. 

Jake é aquele bad boy, não se importa com o coração das mulheres. Sua fama não é muito boa, ele é grande amigo da família Sullivan, mas isso não significa que ele pode dar azas para a pequena Sophie. Mas será que ele aguentará ver Sophie não mais como uma bibliotecária, mas como uma mulher de belas curvas? Eis a questão.
"Sophie não conseguia parar de se lembrar da maneira como ela olhara naquela noite. Será que tinha imaginado aquela feroz possessão? A emoção que ele não conseguira esconder? Ele tinha tocado mais do que seu corpo; ele tinha lhe tocado a alma."
A capa do livro fugiu meio da temática das outras capas, mas ela é bem gostosa de se pegar e veio embalada numa diagramação muito boa. Para quem gosta desse gênero recomendo bastante, lembrando que um livro para maior de idade. Mas ao meu ver, hoje, falar sobre sexo não é algo absurdo. Se seu papai ou sua mamãe permitir caso já seja maiorzinho leia o livro, é um romance divertido, sagaz, erótico e além de tudo fofo. 

Um comentário

  1. Eu vi que a partir deste livro a temática mudou. Fiquei me perguntando o porquê por um tempo, mas depois deixei pra lá.
    Enfim, preciso ler este, mas antes, preciso terminar o terceiro. Estou agarrada nele!
    Beijos.

    ResponderExcluir

© setecoisas.com.