29/04/2013

Resenha: Fique comigo

Autor: Harlan Coben
Editora: Arqueiro, 2013
Páginas: 288
Avaliação: Muito bom! 

Fique comigo é o terceiro livro que leio do Harlan Coben e não poderia ser diferente, mais uma ficção policial na minha lista de favoritos e da lista também de livros que tiraram o sono. Harlan é um verdadeiro jogador de palavras e construtor de suspense e angustia de todos os tempos - no meu caso, os livros que mais gosto nesse tema são os do Coben.

Megan Pierce é mãe de dois filhos, tem um marido excelente, a casa e a vida que qualquer mulher que ter, porém seu passado não está encerrado, por causa desse passado Megan está cada vez mais insatisfeita da sua vida perfeita. Brome é um detetive encucado ligado à um desaparecimento há dezessete anos, um pai de família desapareceu do mapa sem deixar rastros. Além de uma dona da casa dos sonhos infeliz  um detetive encucado, Coben apresenta um fotógrafo falido, Ray Levine, ele já foi um fotógrafo almejado, mas hoje vive através de trabalhos como paparazzi de aluguel. Deu para perceber que ambos estão insatisfeitos com o que se tornaram, tudo isso ligado a um só passado.

25/04/2013

Resenha: "Never sky: Sob o céu do nunca" de Veronica Rossi

Autor: Veronica Rossi
Editora: Prumo, 2013
Páginas: 248
Avaliação: Favorito! 
Série: Never Sky, volume 01. 

Muitos discordam de mim, mas me apaixonei pelo livro somente pela capa. Porém quando comecei a ler, meu conceito de que só a capa me encantava mudou completamente e foi isso que fez-me gostar do primeiro livro da série, uma escrita gostosa, fácil e comprometedora. Faz tempo que não leio distopias tão boas assim. A nova história distópica com um novo planeta fantástico. Com personagens, enredo e romance entretedor. A única coisa que aconteceu comigo foi: não parar de ler, acho que o mesmo aconteceria com você ou qualquer outro leitor.

Ária habita um lugar chamado Quimera, uma espécie de núcleo que protege  contra grandes tempestades de Éter, essas tempestades são capazes de destruir tudo e fazer churrasquinhos humanos. Como ninguém pode sair da redoma, foi criado um aparelho, o "Olho Mágico" que permite viajar pelos Reinos que são virtuais, onde  é melhor que a vida real, sem dor e sofrimento. Ela nunca imaginou estar fora da proteção de Quimera, após não ter mais notícias sobre sua mãe fica evidente que sua mãe, Lumina, esteja desaparecida, Ária está disposta a buscar por respostas que trarão terríveis consequências, uma delas sendo expulsa de seu lar e obrigada a viver no mundo além das paredes do núcleo. 

Contrário ao conforto cedido pelos Reinos virtuais e fora dos núcleos protetores, existem tribos de Selvagens, algumas dessas tribos são canibais. Daí surge e conhecemos o segundo personagem do enredo, Peregrine, um homem das "cavernas", tudo bem, não é um homem das cavernas é mais para um Selvagem, como o Tarzan (mas ele não usa tanguinha). Tudo estava tranquilo até o momento que ele decide salvar uma "Ocupante", Ária, que nunca deveria ter saído para fora dos núcleos. Perry verá seu sobrinho sendo raptado e pretende enfrentar todas as tempestades de Éter para salvar o garoto. 

Uma está banida de seu lar. O outro está a procura de uma criança. Ao se encontrarem Ária e Perry, percebem eles serão a única chance de se manterem vivos, ambos procuram por alguém e precisam seguir na mesma direção. Para salvar as pessoas que mais amam eles terão que se juntar, aliados, amigos. Durante todo o trajeto muitas coisas irão vir, ir, ficar. O que será que acontece nesse intervalo de tempo? 

O livro tem muito mais surpresas a desvendar – da qual não falarei, até porque é uma surpresa que o leitor tem que ter –. Quando peguei o livro quase não parei, aliás não parei,  Veronica aborda a convivência, a luta de Ária & Perry para aceitar um ao outro e para salvar as pessoas que amam. Essa essência, essa construção que a autora usou para entrelaçar todo o contexto foi algo perfeito. Acabo até pensando que é um livro melhor que Jogos Vorazes, quanto a isso ainda estou em dúvida. 

Narrado em terceira pessoa os capítulos se intercalam entre as atitudes de Ária e Peregrine.  Entre os capítulos  atitudes, cenas, os lugares são bem construídos. Os personagens por si, contém sua própria essência e constituídos de personalidade única. Ao desenvolver conhece-se novos personagens, mas o enfoque principal a dupla que já falei. Veja o trabalho de Editora Prumo e a divisão dos capítulos:


Outra coisa a destacar é a dosagem, Veronica ela incorporou toda uma estrutura, que pode-se dizer, certa. É como se não fosse daquela forma não teria graça, ela deixa você curioso para o fim. Algumas pessoas acharam o livro no começo um tanto quanto confuso. Mas eu não achei, muito pelo contrário, um leitura fácil e dinâmica. A dica que tenho é: não tente entender tudo de uma vez, durante todo interlaço das páginas será explicado, "tudo tem seu tempo". Encantado com a construção da história. O uso de criatividade, originalidade só tende a surpreender o leitor. Mais que recomendado? Sim!


Trilogia Never Sky:
- Under the Never Sky, 01.
- Through the Ever Night, 02.
- Roar and Liv, 03 (a parte). 

22/04/2013

Resenha: "Os Filhos do Tempo" de Chaiene Barbosa Santos

Os filhos do tempo
Autor: Chaiene Barbosa Santos
Editora: Modo Editora
ISBN: 9788565588027
Ano: 2012
Páginas: 136

Nicolas um estudante de física e astronomia, fã das estrelas. Querendo sempre descobrir o que a na imensidão do Universo. Em um dia chuvoso seu sonho tornará realidade, viajar por via constelação, na margem negra sob os olhos. Como aconteceu? Isso não posso falar.

Nicolas está prestes a se apaixonar por uma garota e nada melhor que um romance proibido não é? É uma pena eles não poderem ficar juntos, pois são de tempos totalmente diferentes. É uma regra, mas será que regras podem ser quebradas? Zara é o nome da garota, é a mesma da capa. 

Vejo como tema abordado no livro: a Terra! Chaiene escolheu por escrever além de um romance cheio de aventura, paixão, segredos e revelações, expor assuntos que dizem respeito a sociedade  e abordar o futuro do nosso planeta. Temas como preservação ambiental, e manutenção do meio ambiente são destaques deste livro. Em outra galáxia, num planeta chamado Vida, moram os seres que descendem da humanidade de hoje, os ETs, no livro explica como nossa geração se transformou nesses seres esquisitos, as adaptações do corpo e do psicológico. 
"Onde quer que você entre na internet ou em qualquer meio de comunicação, há propagandas de consumo. Onde você encontra o marketing para o meio ambiente? Não acha que isso é raro?".
Eu adorei a narrativa rápida do livro, porém isso também foi prejudicial ao critério de avaliação. Pois, Chaiene poderia ter abusado mais da estória, dando mais páginas. É além de tudo um enredo bem escrito, estória e personagens em autoritários e construídos de forma nada semelhante. 

Ficar feliz e querer contribuir a melhor nosso planeta são umas da coisas ao sentir quando termina o livro, fiquei com vontade de sair aí relendo o livro para todo mundo. Recomendo a leitura para você ter consciência! 


15/04/2013

Preview trailer: Em chamas

Ei fãs, já está no ar um dos trailers mais aguardados não é? O trailer da continuação da trilogia Jogos Vorazes, Em Chamas, foi lançada no MTV Movie Awards, confira o trailer. O filme estreia em novembro, uma semana antes aqui no Brasil.

08/04/2013

Resenha: "Delenda" de Amanda Reznor




Autora: Amanda Reznor
Editora: Literata
ISBN: 9788563586612
Ano: 2012
Páginas: 248

Teletransportado para um mundo medonho, obscuro. Não poderia ter um nome diferente, o Vale dos Segredos, realmente tem muitos segredos. Mas não é segredinhos leves, é tradição reservada a atormentar uma família, aliás, a atormentar a cabeça de Claudia, uma pena dizer que não é somente a cabela da protagonista, a sua também. Deixando-o inconsciente cego pela surpresas escondidas dentre as arvores penetradas pela escuridão. "Delenda é uma dessas estórias que rega o Vale. Mas não é única, nem isolada, podendo ser cruzada com volumes futuros, tantos quanto a mente e as mãos ágeis desta autora puderem suportar." Interligado as páginas o leitor está prestes a pular em um profundo mistério que arrendondará em várias estórias.  Estórias que se inicia com algo não menos pior do que um pesadelo.
"Lento, carcomido, grunhindo, moendo... A madeira lascada soltando farpas pelo chão até alçar velocidade, enlevada pelo abraço do vento, que gira com o moinho, frenético, desfiando ar pelas beiradas, arrastando-se até as casas"
Cláudia acorda em um colapso medonho, como já dito em um pesadelo. Droga! Não para de sonhar com um pássaro negro. Mas o que significaria sonhar todos os dias com aquelas penas negras. Feliz aniversário, de feliz não tinha nada. Em pleno aniversário Cláudia ela recebe uma encomenda, a qual estará todo o seus segredos e também estará junto os segredos do Vale. 

Não é um bom presente para Cláudia, eu digo. Mas para nós leitores é uma bomba de expectativas e curiosidades, os personagens bem construídos, uma boa história que envolve até o fim. Juntamente com a diagramação (impossível não falar) que ficou muito bonita. É um livro bem trabalho fisicamente e com um conteúdo interessante, cheio de suspense e mistério. 


Um ponto negativo a retirar do livro é o pouco tempo para descrever os acontecimentos. Deixando a desejar mais sobre explicações sobre a história, onde numa primeira leitura o leitor não consegue capitar tudo. 


Não podemos deixar de lado a narrativa poética de Amanda Reznor, ligando capitulo à capitulo uma premissa nada cansativa ou massante, mesmo contento palavras poeticamente difíceis não é nada que contrária o compreendimento. 


Está curioso para ler o livro? Ele pode ser seu por um precinho especial ou por pontos no skoob, clique para comprar e saiba mais sobre o livro e sobre a autora. Leia! 

04/04/2013

Resenha: "Tesão" de Tico Santa Cruz

Tesão
     Boa notícia para quem gosta do Tico Santa Cruz e para as pessoas que gostam de livros eróticos. Tesão é a segunda obra do Tico publicada pela editora Belas Letras. Após a descoberta de 50 tons de cinza os autores vem proporcionando cada vez mais uma leitura hot. Seja por motivo de vender mais ou por as pessoas terem um ponto mais forte para o erotismo.

     Esqueça o classicismo poético, se você só conhece a parte poética de que tudo é "fofinho", Tico em seu segundo livro faz você conhecer o lado mais agressivo e puritano da poesia. Tesão contém poemas baseado em suas fantasias, relacionamentos e sensações, o difícil é descobrir qual dos poemas é fictício e qual é "real", essa foi um dos motivos do roqueiro ao escrever o livro. O melhor de tudo é observar o lado do eu-homem, nesse recém-lançamento; Tesão vai trazer consigo os pensamentos masculinos, enfatizando só uma sensação, uma vontade, uma coisa. Em meio à excitação, o autor fala sobre os variados públicos solteiros, ficantes, casados, enrolados, problemáticos. Embora aborde relações que ainda são tabus para a sociedade, como o relacionamento aberto, sexo com desconhecidos ou ainda o famoso ménage à trois.

03/04/2013

Preview: Cidade dos Ossos

Já saíram dois trailer do filme, e por eles parece prometer muito não é? Mas também parece que já tem algumas falhas (quem leu o livro vai entender). E quem ainda não leu trate de ler, caso tenha dúvida leia a resenha do livro Cidade dos Ossos. O lançamento do filme só vai sair em agosto, no dia 23 desse ano (2013). 




E aí o que vocês acharam? 

01/04/2013

Quebre os relógios, é agora.

Imagens_tumblr_-_london20120821-tumblr_m4v82hynde1qdupm0_large

1 de abril: Dia da mentira, aliás, dia da Lari!


Latest Instagrams

© setecoisas.com | Lifestyle, cultura e fotografia,. Design by FCD.