Resenha: Confie em mim.


Confie em Mim
Harlan Coben
editora Sextante.
316 páginas. 

Preocupados com o comportamento cada vez mais distante de seu filho Adam - principalmente depois do suicídio de seu melhor amigo, Spencer Hill -, o Dr. Mike Baye e sua esposa, Tia, decidem instalar um programa de monitoração no computador do garoto. Os primeiros relatórios não revelam nada importante. Porém, quando eles já começavam a se sentir mais tranqüilos, uma estranha mensagem muda completamente o rumo dos acontecimentos: "Fica de bico calado que a gente se safa." Perto dali, a mãe de Spencer, Betsy, encontra uma foto que levanta suspeitas sobre as circunstâncias da morte de seu filho. Ao contrário do que todos pensavam, ele não estava sozinho naquela noite fatídica. Teria sido mesmo suicídio?  Para tornar o caso ainda mais estranho, Adam combina ir a um jogo com o pai, mas desaparece misteriosamente. Acreditando que o garoto está correndo grande perigo, Mike não medirá esforços para encontrá-lo.Quando duas mulheres são assassinadas, uma série de acontecimentos faz com que a vida de todas essas pessoas se cruzem de forma trágica, violenta e inesperada.
Fascinante, após a leitura fique fascinado o modo de como Coben propós um tema tão revelante e tão normal. E, a medida que vai se lendo . Cade vez você fica com mais vontade de ler. Foi umas das leituras em 2012 que mais me agradou, além das cenas fortes Coben também provoca reflexões para o leitor. 

A vida no subúrbio de Livingston parece perfeita. Ao olhar para aquelas mansões, todos a creditam que as pessoas que vivem ali são plenamente felizes. Mas a verdade é que, como em qualquer lugar do mundo, cada uma daquelas famílias tem a sua tragedia particular.

Mike e Tia Baye, preocupados com seu filho Adam, resolvem invadir a privacidade do garoto e espioná-lo. Betsy Hill sente-se culpara por não ter percebido as mudanças no comportamento de seu filho Spencer e por não ter feito nada que pudesse evitar seu suicídio. Guy Novak cria sozinho Yasmim, e, embora seja um pai extremamente dedicado, não consegue impedir que uma infeliz "brincadeira" de um professor torne a infância e adolescência da menina um inferno. Lucas Loriman está gravemente doente e precisa de um transplante de rim, mas sua mãe, Susan, guarda um segredo devastador que pode arruinar por completo a família. 

Enquanto acompanha as dores, preocupações e angústias de cada um desses personagens, você vai mergulhar numa aventura emocionante e cheia de mistérios, em que todas essa histórias, aparentemente independentes, se conectam num final surpreendente e arrebatador.Em confie em mim, faz pensar em como pais desesperador são capazes de ultrapassar todos os limitas na tentativa de proteger os filhos. 


Já esperava algo assim do autor, li um outro livro Quando ela se foi — e também foi muito surpreendente. O modo como ele aborda os temas são eficazes e sempre deixa uma curiosidade com o que vai acontcer. Daí veio a vontade de "engolir" o livro rapidamente. É um livro que super recomendo, pois você aprende a valorizar mais o que seus pais fazem por você. Vou deixar a dica para vocês.

  1. Gostei da sinopse do livro e da resenha! Fiquei curiosa p ler! Bjos!

    ReplyDelete
  2. Gostei bastante da capa, a sinopse não me chamou muito a atenção.

    Gostei da sua resenha, você escreve bem demais ;)

    ReplyDelete
  3. Já li o livro também, bê. É verdade, as vezes achamos ruim que nossos pais brigam, e tals. Mas faz parte, elas sempre querem nos proteger.

    ReplyDelete
  4. Parece ser o tipo de livro que vc fica triste quando acaba. Pra dizer a verdade, nunca li um livro desse gênero mas acho que tem uma primeira vez pra tudo. E com certeza esse post me deixou com vontade de lê-lo agora mesmo! A resenha então... Pena que a livraria mais próxima não está aberta aos domingos à noite!

    www.picturesandreams.blogspot.com

    ReplyDelete
  5. Pietra, muito por contrário o final não é triste, chega até ser muito feliz! Comprei amanhã, lhe garanto que é ótimo!

    ReplyDelete
  6. Nossa.. nunca tinha me interessado por um dos livros dele, quando me deparei com a capa nas livrarias. Mas, depois de ler suas resenhas, fiquei curiosa.
    Acho incrível quando conheço um autor assim.. que escreve de coisas simples e profundas... :)

    ;*

    ReplyDelete
  7. Preciso urgente começar minha leitura dos livros do Harlan, ainda não li nenhum, e só vejo resenhas positivas, assim como a sua que além de instigante está muito bem feita.
    Estou tomando gosto pelo gênero investigativo agora, sempre tive meio impaciência de sair desvendando crimes nos livros, lia Agatha Christie sempre indo no fim pra saber quem era o assassino, mas agora estou adorando o estilo e lendo direitinho.Obrigada pela linda dica então amiga blogueira. \o

    Beijão
    Viviane
    Razão e Resenhas

    ReplyDelete
  8. Nunca li nada do Harlan, mas sei que vou me amarrar
    assim que ler o primeiro dele. Por que os livros dele
    contêm meu tipo de leitura favorito, o policial. =)
    A resenha ficou ótima

    ReplyDelete
  9. Olá, engraçado, falam muito bem desse autor mas não me surge aquela vontade de ler. Aconteceu a mesma coisa com o Nicholas Spark e no final das contas gostei do livro q li dele. Talvez com esse aconteça a mesma coisa, né?
    A resenha foi tão positiva que fiquei na maior curiosidade. Vou v crio vergonha na cara e leio XD

    ReplyDelete
  10. Fiquei empolgada pra ler pois nunca li nada sobre o autor e apesar dele não fazer meu gênero literário tive curiosida só pela sua positividade em relação ao autor!

    ReplyDelete
  11. Li apenas Não conte a Ninguém e me apaixonei! Sério, é muuuito bom esse livro e fiquei com muita vontade de ler Confie em Mim que me deu mais vontade de ler ainda! rsrs.
    Parabens pela resenha e para o Harlan que escreve livros maravilhosos sobre suspense e mistério! ;)

    Marcos

    ReplyDelete
  12. Pode uma coisa dessa?
    Preciso remediar o mais rápido possível,mas é que o gênero dele,não é um dos meus favoritos...Apesar de que a sua resenha me fez ficar curiosa para ler Confie em Mim.rsrsrs

    ReplyDelete
  13. Estou tomando gosto pelo gênero investigativo agora, sempre tive meio impaciência de sair desvendando crimes nos livros, lia Agatha Christie sempre indo no fim pra saber quem era o assassino, mas agora estou adorando o estilo e lendo direitinho.

    ReplyDelete
  14. Outro dia quase comprei esse livro na Americanas! Estava bem barato, mas n lembro o motivo que me fez desistir! Ainda quero lê-lo, pois me dizem bem a respeito desse escritor! Resta saber se irei gostar!
    bjaooo

    ReplyDelete
  15. Li Confie em Mim há alguns anos, mas a sensação que tive lendo o livro ainda é muito clara na minha memória. Lembro de ter adorado o livro e, principalmente, ficar naquela curiosidade durante a trama inteira. Preciso ler mais Coben, adoro a mistura de drama e mistério que ele consegue fazer.

    Beijos

    ReplyDelete
  16. Esse foi o primeiro livro que li do Harlan, me apaixonei desde então. Sempre que tenho a oportunidade de comprar novos livros, trago um dele pra casa. Adoro o estilo como ele escreve, me deixa mais ligada na história! haha <3

    Beijão, http://dinha-vieira.blogspot.com.br/

    ReplyDelete